Notícias

Saúde da mulher: exames preventivos para ter mais qualidade de vida


Saúde da mulher: exames preventivos para ter mais qualidade de vida

O cuidado com a saúde da mulher é primordial na promoção do bem-estar. A qualidade de vida inclui lazer, boas condições de trabalho e, claro, suporte para prevenir doenças hoje comuns em nossa sociedade. Nesse sentido, a informação é peça-chave para conscientizar e incentivar a atenção contínua ao corpo. Pensando nisso, listamos, ao longo deste conteúdo, os principais exames preventivos para a segurança feminina. Confira:

Papanicolau

O papanicolau é um estudo citopatológico indicado para a prevenção do câncer do colo do útero. Nele, lesões que podem levar ao desenvolvimento de tumores são identificadas. Consequentemente, o teste é fundamental para o diagnóstico precoce, que facilita o tratamento antes mesmo de a mulher apresentar sintomas do problema. Também conhecido como preventivo, deve ser feito periodicamente por mulheres que iniciaram a vida sexual, especialmente entre 25 e 64 anos.

Mamografia

Recomendada pelo Ministério da Saúde para todas as mulheres entre 50 e 69 anos, a mamografia é prescrita para o rastreamento do câncer de mama. O exame clínico começa mais cedo, aos 40 anos. Caso a médica perceba alterações, a verificação específica é solicitada. Para mulheres que estão em grupos de risco, a idade é ainda mais reduzida. Aos 35, a análise clínica já é importante.

A incidência e a mortalidade por câncer de mama são elevadas no Brasil. Nos agrupamentos que estão mais ameaçados, estão inclusas mulheres com pelo menos um parente de primeiro grau – mãe, irmã ou filha – com diagnóstico da doença.

Densitometria óssea

A densitometria óssea é a avaliação da massa óssea e é considerada o melhor método para o reconhecimento da osteoporose. A ocorrência do distúrbio é mais comum no gênero feminino. Por isso, o exame se tornou um dos mais significativos para a saúde da mulher, principalmente no período pós-menopausa. Para aquelas com mais de 65 anos ou com histórico familiar, o teste deve ser realizado anualmente.